"Selos Recebidos"

terça-feira, 5 de outubro de 2010

"Das Consequências de se Amar"



Você pode se embriagar com as conversas.
Deixar-se levar e as coisas importantes ficam dispersas.
Poderá dormir pouco, mas sem se importar se no dia seguinte lhe dói o corpo.
Vai enxergar cores em tudo, exagerar nas promessas e esperar sem ter pressa.
Vai querer falar todo momento, mesmo de assuntos que não lhe cabem.
Mas sabe muito bem que é uma forma de prender-se a quem se ama, mesmo tratando de assuntos que não se sabe.
Vai esperar por horas uma ligação ou mensagem.
Será acometido de preocupações, caso o contato tarde.
Mas vai sentir-se nas nuvens quando puder escutar a quem tanto esperava,
E notará que toda angústia passa depressa, pois a voz os sentidos lhe desperta.
Vai notar que passar um dia sem se falar, se torna eternidade em seu pensar.
A cada noite fará uma oração pedindo para com o seu amor sonhar.
São desventuras bem aventuradas nas trilhas de poder se entregar.
São conseqüências bem vindas, dada a satisfação de poder se doar.
Vai notar, que o tempo se torna cada vez mais curto quando esta com quem se ama.
Já as horas que passam distantes incrivelmente parecem se multiplicar.
Assim seguirá a vida, desejando que estes dias não se findem jamais.
Pois depois de experimentar, feito criança ao doce, não irá desejar mais largar.
Pode ser que toda a euforia perdure, ou pode não passar de breve temporada,
Nada importa no momento, apenas desejar sempre o sentimento em sua morada.
E aprende o significado do presente, de viver cada momento em toda sua intensidade.
O presente dado por Deus que só pelo nome já nos dá seu significado.
De viver, se entregar sem pensar no tempo, de amar tudo naquele dado momento.

Então, concluí-se que o melhor é estar amando de verdade,
Pois tais sintomas não brotam assim sem ter veracidade.
Então exaltemos o sentimento sincero,
Não façamos dele apenas sentido disperso.

Verá que tudo irá lhe dar prazer, lhe acalentar
São estas as conseqüências de se amar.



13 comentários:

  1. Quando amamos tudo o mais deixa de ser mais para se tornar algo especial...
    Amei o post Hamilton.
    Lindo como sempre!



    ;*

    ResponderExcluir
  2. "Tais sintomas" ... Perfeito!

    Ah! consequencia de amar.

    Lindo poema, belo!

    beejo ta?

    ResponderExcluir
  3. Nada é mais importante quando se ama.
    O amor se sobrepõe a tudo.
    Adorei Hamilton.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  4. Nossa, Hamilton!
    Que tapa...
    De repente me dei conta que faz tempo que não sinto "tais sintomas"...Que triste!

    No entanto, vc conseguiu me transportar no tempo e recordar momentos únicos que jamais serão esquecidos.

    Obrigada pelos instantes de nostalgia.

    Bjo grande e abraço na alma.

    ResponderExcluir
  5. Bethânia canta. E canta o amor. A crônica, conta o amor... e assim, o amor se faz nos pequenos detalhes... e se transformam em grandes e inesquecíveis momentos.

    ResponderExcluir
  6. Lindo texto. Quando se está amando tudo fica mais leve, então sem nos preocuparmos se é para sempre, temos que aproveitar os momentos e sermos o mais felizes possível.
    Abração

    ResponderExcluir
  7. Voltarei com mais tempo para conhecer melhor!
    Abraço
    Pedro

    ResponderExcluir
  8. O amor tem mesmo esse poder mágico... de deixar nossa alma mais leve, os dias mais felizes, o coração que sempre sorri....
    mais um post no capricho, amigo!
    bom dia

    ResponderExcluir
  9. Que palabras más sabias, así es el amor incondicional.
    que bien escribes, con el corazón
    saludos y feliz mitad de semana

    ResponderExcluir
  10. Boa Tarde meu Amigo Hamilton!!

    É exatamente como descreveu no texto que nos sentimos quando o amor brota despretenciosamente em nosso coração.
    Pode ser por apenas uma temporada..
    Poder ser por uma vida inteira...
    Mais ainda assim é otimo se ter essas diversificadas sensações..

    Um abraço

    Andréia Arakaki

    ResponderExcluir
  11. Lindo texto poético!

    São mesmo doces e intensas essas consequências do amor romântico! Com o tempo esses sintomas mudam,(rs)viu?!

    “Somente o amor, como suplência da falta, possibilita ser o que o ser é: nada. Não como ausência de ser mas como condição para o amor”. (Jorge Sesarino)

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  12. É uma satisfação visitar um blog como esse, adorei.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  13. Quem não precisa de um pouco de magia pra viver ? E isso so acontece qd se ama de verdade ..
    Antes as noites em claro sorrindo, do que tantas outras em lágrimas !!
    Lindo texto !!!
    É o Amor na voz de Maria Bethania deu um toque todo especial ao seu pensar !
    Parabéns

    Beijos
    Adoro vc!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Web Analytics